BLOG LOCAL: ALAGOINHAS, BAHIA BRASIL.

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Walkie Talkie AM CB Roadstar GTX 80-A original e atualizado.

Devido ao grande número de acessos deste simples Walkie Talkie que publiquei o esquema desenhado a mão, em: http://projetosetransceptores.blogspot.com.br/2012/08/walkie-talkie-am-11metros-simples.html este mês publico a versão original e algumas atualizadas por mim do mesmo projeto. O Roadstar GTX 80-A tem uma potencia entre 60 a 100*mW TX AM, mais com um bom receptor em AM super heteródino de 455Khz, devido aos seus transistores serem todos iguais de uso geral, o ED 1402 datasheet http://pdf.datasheetcatalog.com/datasheet/philips/ED1402.pdf  fábrica PHILLIPS, quando desenhei o esquema em 1993, achei que era da linha 2SD, errado, quando na verdade eles são ED 1402 por ter só uma letra "D" 1402D na parte de cima pensei ser  2SD 1402, mais estava errado pois o 2SD 1402 é um transistor de TV saída horizontal color, datasheet http://pdf1.alldatasheet.com/datasheet-pdf/view/33621/WINGS/2SD1402.html não tem nada haver com o nosso 1402D do Walkie Talkie Roadstar, minhas desculpas, mais na verdade para os que tem experiência com montagens de transceptores já sabe os transistores que vão usar em suas montagens, afinal de contas existem inúmeros transistores que pode ser substituídos em circuitos deste tipo, os 2N 3904 e 2N 3906, 2N 2222, 2N 2369, 2SC 1906, 2SC 1815 2SC 945, BF 200, BF 199, BF 324, BC 547C, BC548, BC 549, BC 557, BC 558, BC 337, BC 338, entre outros menos populares e desconhecidos por alguns técnicos e montadores. Na foto abaixo da para ver no amplificador de áudio o PÁ os transistor entre os transformadores.
Walkie Talkie Roadstar GTX 80-A 3 canais em 27 Mhz CB.
Em zoom ED 1402 transistor em PA áudio.
RX canal 14 CB, canal de FI 455Khz, áudio de TX e RX
Abaixo foto do oscilador, bobina chave push-to-talk. 
TX 100*mW canal 14 CB walkie talkie Roadstar GTX80-A.
Há como colocar mais dois cristais, ficando 3 canais em CB.
Esquema original Walkie Talkie Roadstar 3 canais 27 Mhz CB.
Abaixo uma versão RX com J FET BF 245, amplificando os sinais de entrada de antena, e em TX uma potencia em torno de 1W a 1,5W RF, vejam que eu substituir os transistores inclusive no amplificador de áudio no PA usei os BD 135-10 para obter maior potencia de áudio, o T2 também terá de ser maior em relação ao original da foto, aumentei a tensão usando baterias de lítio de telefone celulares em série para obter 14,8 volts com 4 baterias de 3,7 volts, o montador pode usar 3 baterias e ter 11,1 volts, e também se desejar falar mais poderá colocar baterias em paralelo e ter maior corrente e mais tempo para conversação. Vejam no projeto deste mês do Walkie Talkie 50 Mhz AM regenerativo, e sobre ás baterias e carregador para ás mesmas.
 
Abaixo esquema com uma versão em RX com oscilador local LC e diodo varicap BB105G, que poderá ser substituído por outros com êxito, a sintonia será feita no trimmer ligada ao catodo do varicap, e no potenciômetro de 10KA TUNING, a sintonia fina será feita em outro potenciômetro de de 4,7KA FINE, o montador poderá fazer alterações neste esquema retirando os potenciômetros deixando só um ou colocando trimpots, como queira, o esquema é uma sugestão de oscilador local para RX, pois assim você poderá ouvir outros canais da faixa de 27 Mhz próximos ao de transmissão ao que deve ser regulado o receptor. Observe que em TX está a mesma configuração do transmissor, no áudio coloquei um microfone dinâmico de 600 Ohms para melhor transmissão. Eu esqueci de comentar sobre o microfone que pode ser de capsula de telefone 300 Ohms.ou outros microfone dinâmico de 600 Ohms, ou ainda se quiser o de eletreto não esqueça da resistência de 10 k ou 12 k que deve alimentar o eletreto, veja nos esquemas abaixo.
Abaixo um esquema já quase todo modificado do Roadstar, com muito mais recursos melhor em RX com o filtro ANL que não atua tanto em AM mais dá para minimizar interferências, o SQUELCH ou silencioso, ótimo para todos transceptores portáteis pois assim ele poderá ficar em stand-by ou em espera, silencioso sem aquele chiado insuportável sem recepção, não sei o porque ele já não veio com este circuito incorporado. O amplificador de áudio já é outro com transistores eliminei os transformadores, o microfone é um pequeno e sensível eletreto de dois terminais, eu esqueci de desenhar um volume para o eletreto, mais tem que ter, para não saturar o áudio ao falar próximo ao microfone, assim está bastante expansível, se quiser diminuir mais solde um resistor de 100K na base do BC 549 para negativo. T1 agora é como auto transformador com um só enrolamento. cuidado enquanto ao tamanho, deve ser maior que o da foto, transformadores de áudio de TV antiga servem, desmanche e enrole fio 27 ou 25 AWG, em torno de 100 espiras no total. outros núcleos de transformadores podem servir com êxito, o montador poderá modificar colocando um com primário e secundário se quiser. O transmissor com os transistores 2N 3866 no oscilador, o BD 139-16 no driver e o 2SC 3420 no PA de saída RF poderá chegar a 2W de potencia, se colocar o BD 329-16 no PA cuidado ele é mais sensível e queima com facilidade, mais é bom e dá uma boa potencia de RF.
 Abaixo uma versão ainda melhor, em RX no amplificador de áudio um simples CI LM 386, muito melhor econômico e próprio para estes transceptores portáteis, veja que sua saída está ligada através do capacitor eletrolítico de 100uF X 25V ao transformador T1 para TX e para o auto falante FTE em RX através da chave, se o montador quiser aumentar mais a potencia de áudio poderá colocar dois transistores como nos esquemas anteriores na saída para o T1 em TX assim terá maior potencia de áudio em sua transmissão, mais eu acho inviável pois o LM 386 já tem uma potencia em torno de 1W em 12 volts, que é satisfatória para o transmissor que é de 1 a 1,5W potencia de RF, em RX o capacitor de 470uF X 25V CX é responsável pelo som do auto falante FTE, ele aterra a saída do FTE através do transformador T1 que em RX está inoperante sem tensão.   
Esquemas atualizado em 13-07-16.
Esquema acima o capacitor de saída pino 5 LM 386 esta para TX, positivo para T1
Esquema acima atualizado, T1 diretamente ao +B.
Esquema acima com dois capacitores na saída para FTE que está aterrado.
Bem ai está alguns esquemas modificados de um equipamento simples que poderá dar-lhe resultados muito bons, se você tem um canal de PX que costuma modular em sua base e quer modular móvel, procure o cristal ou os cristais que deseja colocar para ficar sempre em contato com os seus colegas da cidade ou sua estação base, você poderá colocar quantos cristais quiser para isso é só colocar também uma chave selecionando os de TX e RX, lembre-se os de RX terá de ser sempre menos 455 Khz de TX.
Também estou publicando este mês esquemas de carregadores de baterias de LÍTIO, NI-CD. NI-MH, também fotos é como fazer a bateria de 14,8 volts. Espero que gostem, e para quem montar poderá mandar um comentário sobre o projeto que será bem vindo, queremos aprender mais com vocês.

2 comentários:

  1. Ola, queria montar um desse mas nao sou muito esperto, teria como dizer ou detalhar sobre esses indutores/bobinas como faz elas quantas voltas... E tambem 100mw equivale quantos metro? Vi pela internet que ate 50metros pode transmitir sem permissão a internet e muito confusa quanto a isso, obrigado pela atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mauricio Gomes.
      Olha este Walkie Talkie é de fabricação comercial da época de 70 e 80, os indutores ou bobinas como está nas fotos acima podem ser nesta fôrma ou em outras, acho muito difícil achar essas no comércio, mas podemos colocar ás mais comuns ás fôrmas TOKO 10mm retiradas de sucatas de TV antigas, usaremos os mesmos fios que estão ou fio 30 ou 32 AWG com aproximadamente 6 a 8 espiras ou voltas, com capacitor de 33 a 47 pf, como confecciona-las você terá de ter um pouco de experiência ou seguir como está ao desmonta-la e retirar o fio de uma já pronta, siga o inverso do que você vai desfazer, a questão Mauricio não é ser esperto, sei o que você quis dizer, talvez você não tenha experiência em TRX, mas o projeto acima é fácil, difícil vai ser achar os componentes novos, mesmo assim você terá de ter um pouco de experiência em montagens em RF, se você não tem procure montar um projeto pequeno como transmissores de FM de um ou dois transistores, oscilador, amplificador de antena, essas coisas pequenas que brincam com RF, assim você vai aprendendo como lidar com RF, e adquirindo experiência. Quanto pode transmitir sobre potencia e distância, isso é muito relativo, dependendo do local onde você está transmitindo ou recebendo, a potencia de 100 mW não corresponde necessariamente que um transmissor vai cobrir uma distância de 100 metros ou 500 metros, isso não existe, vai depender do terreno, área aberta ou fechada, com prédios, montanhas, muitas árvores, na praia ou oceano, altitude, principalmente a antena ser cortada corretamente na frequência de ressonância, entre outros fatores, se você pesquisar em revistas estudando sobre RF no blog do meu amigo Picco em:https://blogdopicco.blogspot.com.br/ e montando transmissores pequenos verá que o autor descreve uma distancia e você monta e a distancia é outra, muito menor que a descrita na revista, pelo fato que já expliquei acima, exemplo disso são os conhecidos rádios Talkabout da Motorola, ou outras marcas que operam em UHF frequências ultra alta, entre 400 Mhz, que em alguns casos podem chegar até 2 a 5 Km com potencia não mais que 500mW, ou 0,5W, por isso eu acho que potencia de 50 ou 500mW sem licença, hoje é comum, entre os equipamentos de transceptor na faixa visual de 400 Mhz. Meu amigo pesquise mais sobre o assunto não se de por satisfeito com minhas explicações, todos os dias ás coisas estão mudando principalmente nossas leis, espero ter ajudado, muito obrigado pelo comentário, um abraço.
      Waldir Cardoso.

      Excluir